Pular para o conteúdo

A Samsung deve mesclar as linhas Galaxy S e Note?

Afinal, o principal motivo para optar por um Galaxy Note realmente foi reduzido à S Pen todos esses anos depois

author,

samsung galaxy note

A Samsung está lançando o seu primeiro smartphone dobrável este ano com o Galaxy Fold. É um aparelho em que a empresa trabalha há anos, e todos na empresa que ajudaram a dar vida ao dispositivo devem se orgulhar. A Samsung espera que este aparelho seja o empurrão para o mercado de smartphones como um todo, assim como aconteceu com os grandes smartphones todos esses anos atrás.

Obviamente, o lançamento não foi o mais tranquilo e a Samsung teve que adiar um pouco o primeiro smartphone dobrável. Mas finalmente começou a ser lançado e, com isso, talvez o mercado de smartphones nunca mais seja o mesmo. É o que a Samsung espera, de qualquer maneira.

Tanto é assim que há relatos de que a Samsung planeja mesclar as linhas Galaxy S e Galaxy Note em um futuro muito próximo. Tão cedo, de fato, que podemos ver essa mudança já no próximo ano, em vez de um Galaxy S11. Se os rumores estiverem certos, poderemos ver um smartphone "Galaxy One", que combina o Galaxy S com o Galaxy Note – basicamente trazendo a S Pen à linha tradicional de smartphones da Samsung.

Considerando quantas especificações e recursos da linha Galaxy S e da linha Galaxy Note realmente se cruzam, essa decisão faz sentido. Afinal, o principal motivo para optar por um Galaxy Note realmente foi reduzido à S Pen todos esses anos depois.

Não há nada de errado nisso, é claro. Mas mesclar as duas linhas faz sentido. Especialmente se você está apostando no fato de que os celulares dobráveis serão a última moda.

O fato de tirar a linha Galaxy Note da segunda metade do ano deixa mais espaço para qualquer celular dobrável que a Samsung queira lançar. Então, basicamente, na primeira metade de 2020 pode surgir o smartphone Galaxy One (a combinação do Galaxy S e Galaxy Note), e na última metade o Galaxy Fold 2 (se é assim que a Samsung quer fazer as coisas).

Honestamente, tudo isso faz sentido. Se a Samsung não fizer isso no próximo ano, eu ficaria um pouco surpreso. Por outro lado, considerando esse boato que acabou de surgir e que o Galaxy Fold é o primeiro de seu tipo, talvez essa decisão seja um pouco prematura. Talvez a Samsung deva esperar para tomar essa decisão até descobrir se o Galaxy Fold (ou qualquer um de seus futuros celulares dobráveis) vale a pena segurar a última metade de qualquer ano.

Mas o que você acha? A Samsung deve mesclar as linhas Galaxy S e Note? Você ficaria ainda mais empolgado com um novo smartphone Galaxy S se tivesse o suporte da S Pen? Nos conte!

Artigos especiais
X

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência de navegação. Ao usar nosso site, você concorda com os cookies. Mais detalhes: Política de privacidade.