Ir para o conteúdo

Apple trabalha em própria antena 5G para iPhones por insatisfação com Qualcomm

A Apple supostamente deseja usar o mínimo possível de peças da Qualcomm em seu novo iPhone, por sentir que está muito dependente da Qualcomm

author,

apple iphone

A Qualcomm tem experiência com 5G, com seus chips e modems Snapdragon aparecendo em muitos novos smartphones de destaque, como a série Galaxy S20, Galaxy Note 10 Plus 5G e OnePlus 7T Pro 5G McLaren. No entanto, fontes da indústria dizem que a Apple não é fã da antena 5G da Qualcomm.

A Apple certamente vai adicionar suporte ao 5G no seu novo iPhone deste ano, mas aparentemente a empresa recusou o módulo de antena que a Qualcomm ofereceu para os novos iPhones. Fontes da indústria relataram ao site Fast Company que a Apple está descontente com o módulo da antena porque não se encaixava no design industrial do novo iPhone. Por causa disso, a Apple está projetando seu próprio módulo de antena 5G.

O design da Qualcomm não é o único motivo pelo qual a Apple está trabalhando em seu próprio módulo de antena 5G. A Apple supostamente deseja usar o mínimo possível de peças da Qualcomm em seu novo iPhone, por sentir que está muito dependente da Qualcomm.

A Apple não é tão experiente quanto a Qualcomm no que diz respeito ao 5G e, portanto, ouvimos também que a Apple está trabalhando em outro design de smartphone que usa o modem Snapdragon X55 5G (que o novo iPhone usará de qualquer maneira) e o módulo de antena da Qualcomm. No entanto, isso exigiria que a Apple tornasse o novo iPhone mais grosso do que deseja.

Apple e Qualcomm têm uma história difícil. A Apple processou a Qualcomm por US$ 1 bilhão em 2017, alegando que a Qualcomm usou sua posição como fabricante de chips de smartphones importantes para solicitar termos de licenciamento de patentes "onerosos, irracionais e caros" e, em seguida, a Qualcomm alegou que a Apple roubou seus segredos comerciais e os deu à Intel.

As duas empresas acabaram concordando em desistir de suas ações, mas a Apple comprou o negócio de modem para smartphones da Intel por US$ 1 bilhão, sugerindo que ela pode estar trabalhando para se livrar da dependência da Qualcomm.

A Apple poderá lançar seu novo iPhone equipado com 5G entre setembro e dezembro.

Rumores