Ir para o conteúdo

Funcionário da Samsung é preso por roubar mais de 8 mil celulares

A polícia disse que o dinheiro foi usado para pagar parte de uma dívida de jogo

author,

Um funcionário da Samsung foi preso nesta semana acusado por roubar mais de 8 mil celulares. O homem, conhecido por Lee, teria roubado os dispositivos da sede de produção da Samsung em Suwon, na Coréia do Sul, antes de vendê-los para um revendedor.

Samsung

O crime veio à tona após a empresa descobrir que modelos inéditos tinham chegado ao Vietnã. Lee acredita ter ganho aproximadamente 800 milhões de wones (cerca de R$ 2,3 milhões), durante um período que foi de dezembro de 2014 a novembro de 2016. A polícia disse que o dinheiro foi usado para pagar parte de uma dívida de jogo.

Tudo isso foi possível por Lee ter sido autorizado a ignorar o scanner corporal para sair do escritório, devido ao uso de cadeira de rodas por deficiência física. O acusado trabalhava na Samsung desde 2010.

Samsung Galaxy S8

Essa não é a única atividade criminosa ocorrida recentemente na Samsung. O vice-presidente da empresa, Lee Jae-yong, foi indiciado em fevereiro por acusações de esconder ativos no exterior, suborno, desfalque, entre outras.

Samsung