Pular para o conteúdo

Play Store remove app 'Paytm' por repetidas violações de política

A mudança veio depois que o Paytm promoveu um serviço de esportes de fantasia, que é basicamente uma arena de apostas e jogos de azar

author,

paytm android app

O Paytm, uma das soluções de pagamento digital mais populares da Índia, acaba de ter seu aplicativo Android removido da Google Play Store por violações repetidas de políticas.

A mudança veio depois que o Paytm promoveu um serviço de esportes de fantasia, que é basicamente uma arena de apostas e jogos de azar; um recurso de aplicativo que o Google proíbe especificamente em sua Play Store.

Em uma postagem no blog, a vice-presidente de produto do Google, segurança e privacidade do Android, explicou que o Google não admite aplicativos "que levam os consumidores a um site externo que permita que eles participem de torneios pagos para ganhar dinheiro real ou prêmios em dinheiro".

A proibição chega em um momento em que um dos eventos esportivos anuais mais populares da Índia, o Indian Premiere League (IPL), está prestes a começar. Embora as apostas diretas em eventos esportivos sejam totalmente proibidas pelo governo indiano, as apostas em dinheiro real ou virtual por meio de esportes ou equipes de fantasia ainda não foram proibidas em muitos estados indianos.

No entanto, o Google não permitirá que tais aplicativos possam prejudicar o usuário por meio de sua plataforma. Banir um aplicativo popular como o Paytm por violação de política enviará um aviso claro a outros desenvolvedores para não lançar aplicativos que violem as políticas da Play Store.

Em comunicado, o Paytm disse que o aplicativo está temporariamente indisponível na Play Store do Google para novos downloads ou atualizações e estará de volta em breve. "Todo o seu dinheiro está completamente seguro e você pode continuar a aproveitar seu aplicativo Paytm normalmente", acrescentou.

Android
X

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência de navegação. Ao usar nosso site, você concorda com os cookies. Mais detalhes: Política de privacidade.