Pular para o conteúdo

Provavelmente é hora da Apple vender iPhones sem carregadores

Com o lixo eletrônico sendo assunto tão importante, e existindo centenas de milhares (ou milhões) de carregadores por aí que não são usados, jogados de lado e esquecidos, isso se torna urgente

author,

apple iphone unboxing carregador de energia

Já estamos em julho, o que significa que estamos a apenas dois meses da Apple subindo ao palco e apresentando novos iPhones. E este será outro ano movimentado, pelo menos se os rumores estiverem certos, porque aparentemente estamos recebendo quatro novos smartphones da companhia. Duas opções mais baratas e um par de modelos "Pro" que custarão um pouco mais e oferecerão mais do que as outras duas variantes.

E nenhum deles terá um carregador de energia na caixa, aparentemente.

Agora, você provavelmente já ouviu falar sobre isso, porque foi destaque nas notícias mundiais um pouco antes do final de junho. E, como se poderia esperar, há muitas opiniões diferentes sobre o assunto. A "Apple gananciosa" encontrou mais uma maneira de fazer com que seus clientes gastem dinheiro? Talvez! Ou talvez a Apple tenha acabado de encontrar uma maneira de diminuir sua embalagem, diminuir os custos de remessa/frete e, na verdade, dar outro passo na direção certa para enfrentar as questões ambientais.

Com o lixo eletrônico sendo assunto tão importante, e existindo centenas de milhares (ou milhões) de carregadores por aí que não são usados, jogados de lado e esquecidos, isso se torna urgente. Não precisaria ser assim, mas que já o fazemos há anos, se tornou nossa realidade.

Eu acho plausível defender o argumento de que a maioria das pessoas que comprem novos iPhones este ano provavelmente tem um carregador de energia que pode carregar seu novo dispositivo quando necessário. Não acho que a Apple precise incluir um carregador este ano, ou todos os anos. E se isso realmente resolver alguns problemas reais, acho que teremos que lidar com isso. E eu acho que ficaremos bem!

Mas também estou ciente de que esta é uma empresa que vende um decodificador para transmitir conteúdo para sua TV sem um cabo HDMI para fazer isso, e talvez isso esteja contribuindo para o fato de não incluir um carregador no iPhone tão descontroladamente frustrante.

Então eu definitivamente estive pensando muito sobre esta possível decisão da Apple, mas acabei ficando do lado do meio ambiente. Vai ser difícil interpretar isso no começo, mas acho que tudo ficará bem no final. Porém, há um problema: a Apple precisa deixar isso absolutamente claro no palco do evento em setembro (ou quando isso acontecer). Eles devem, se for o caso, defender o meio ambiente e os custos de remessa (e talvez dizer aos clientes como isso os impactará de maneira positiva), e então talvez esteja tudo esteja resolvido e não gere uma polêmica desnecessária.

Mas o que você acha? Você está pronto para um futuro no qual os iPhones são vendidos sem um carregador de energia na caixa? Você acha que outras empresas seguirão o exemplo? Nos conte agora!

Artigos especiais
X

Utilizamos cookies para fornecer uma melhor experiência de navegação. Ao usar nosso site, você concorda com os cookies. Mais detalhes: Política de privacidade.