Ir para o conteúdo

Samsung apresenta destaques do seu novo processador Exynos 9820

Para uma experiência de jogo imersiva em movimento, o Exynos 9820 vem com uma unidade de processamento gráfico (GPU) Mali-G76 MP12
author,
Por

O Exynos 9820 foi anunciado recentemente e, segundo a Samsung, foi projetado para oferecer uma experiência superior por meio de seu poder de processamento inteligente, velocidade de internet medidas em gigabits, recursos de multimídia variados e uma série de outras características.

Samsung apresenta destaques do seu novo processador Exynos 9820

O novo chipset conta com uma unidade de processamento neural (NPU em inglês) integrada que oferece recursos de aprendizado profundo usando menos energia. Com a NPU, o Exynos 9820 pode executar funções relacionadas à Inteligência Artificial (IA) sete vezes mais rápido que seu antecessor baseado em TOPS (Tera Operations Per Second).

Isso permite que o processador execute a IA do dispositivo em qualquer lugar, a qualquer momento. Assim, um dispositivo móvel pode executar atividades de inteligência artificial com menor latência, mais eficiência de energia e maior segurança do que ao utilizar a nuvem. Ele permite que o dispositivo móvel ofereça novos e aperfeiçoados recursos de inteligência artificial, como serviços de assistente pessoal, realidade aumentada e funções de câmera aprimoradas.

O Exynos 9820 possui arquitetura de CPU octa-core tri-cluster composta por dois núcleos personalizados da Samsung para executar tarefas computacionais pesadas, dois núcleos Arm Cortex-A75 para desempenho otimizado e quatro núcleos Cortex-A55 para tarefas diárias, aumentando assim o poder de processamento.

A CPU personalizada de quarta geração da Samsung tem maior capacidade de acesso à memória e design de arquitetura avançado, melhorando o desempenho de um único núcleo em até 20% em relação a seu antecessor. Além disso, a arquitetura tri-cluster conta com agenda de tarefas inteligente para otimizar o equilíbrio entre desempenho e eficiência para maior duração da bateria.

O processador traz um modem LTE-Advanced Pro integrado que proporciona velocidades de banda larga móvel extremamente rápidas. Para obter downloads velozes, streaming de vídeo contínuo e jogabilidade on-line suave, o modem suporta LTE categoria 20 com agregação de faixas de 8x, permitindo uma velocidade de downlink de até 2,0Gbps.

O modem também aprimora ainda mais a estabilidade e a velocidade, por meio de diversas tecnologias avançadas, incluindo 4 entradas múltiplas, saída múltipla (MIMO), 256-QAM (modulação de amplitude em quadratura) e acesso assistido licenciado (eLAA) aprimorado. Além disso, o Exynos Modem 5100, modem celular 5G da Samsung, pode ser pareado com o Exynos 9820 para suportar a rede 5G.

Samsung apresenta destaques do seu novo processador Exynos 9820

Para uma experiência de jogo imersiva em movimento, o Exynos 9820 vem com uma unidade de processamento gráfico (GPU) Mali-G76 MP12. Com o dobro do número de faixas que seu antecessor, técnicas de compressão gráfica de ponta e suporte avançado a APIs, o Exynos 9820 oferece até 40% de melhoria no desempenho ou 35% de aumento na eficiência de energia.

O processador de sinal de imagem (ISP em inglês) do Exynos 9820 aumentou o número máximo de sensores suportados, de quatro para cinco, facilitando soluções multicâmera flexíveis em um dispositivo móvel com diversas funcionalidades, como zoom óptico e efeito bokeh. O Codec Multiformato (MFC em inglês) do processador Exynos 9820 pode codificar e compactar vídeos 8K em um tamanho menor de arquivo, graças ao codec HEVC de 10 bits, que oferece compactação de vídeo altamente eficiente e suporte a cores de 10 bits. Além disso, o codec HEVC de 10 bits pode gerar 1.024 tons diferentes para cada cor primária, o que se traduz em 1,07 bilhão de combinações de cores.

Samsung apresenta destaques do seu novo processador Exynos 9820

Como destaque, o Exynos 9820 suporta HDR10+, um novo padrão aberto para vídeo HDR que emprega mapeamento de tom dinâmico, permitindo que as cenas sejam otimizadas individualmente. Com isso, o Exynos 9820 pode exibir imagens 4K UHD em um dispositivo móvel.

O Exynos 9820 conta com função física não clonável (PUF em inglês), também conhecida como “impressão digital”, para gerenciar dados pessoais em perfeito isolamento, garantindo uma segurança mais confiável. A PUF gera uma chave não clonável para criptografia de dados usando as características físicas exclusivas de cada chip. Enquanto a PUF cria uma impressão digital única, o subsistema de segurança é um gerenciador de chaves seguro que suporta outros protocolos de segurança, como geração, armazenamento e derivação de chaves.

Exynos 9820 é desenvolvido com tecnologia FinFET avançada e um esquema de design de baixa potência, o que significa que tudo isso pode ser feito com menor consumo de energia. A tecnologia FinFET LPP (Low Power Plus) de 8nm reduz o consumo de energia em até 10% em comparação ao processo LPP de 10nm3.3 O Exynos 9820 também otimiza o consumo de energia da CPU e da GPU por meio de reduções de energia ociosa, de vazamento e da tensão de operação.

Inovações